segunda-feira, 10 de agosto de 2015

Animais ou objectos?

Hoje a primeira coisa que vi quando entrei na net foi mais um video de pessoas a abandonarem um animal como se fosse "lixo". Ora atirarem o cão de uma altura considerável em si já era perigoso, mas o pior mesmo, foi que apesar de a imagem não ter uma grande qualidade, conseguir notar-se suficientemente o desespero daquele animal, a forma como não queria 'largar' o dono, a forma como já depois de preso e de se irem embora continuar a encarar o horizonte à espera que alguém voltasse para o ir buscar. 
Ora vejo todos os dias esse olhar no meu cão quando se apercebe que vai ficar sozinho toda a manhã, toda a tarde ou mesmo o dia todo e doí me na alma. No entanto não há nada melhor que ver a sua felicidade e esquecer tudo esse tempo no regresso, quando nos dá as boas vindas como se nada tivesse acontecido. Agora pergunto-me. Será que essas pessoas no tempo que estiveram com aquele animal não se apegaram? Como é possível não terem o mínimo de dó nem piedade ao abandonarem um ser que faria tudo por eles?





Eu já fui 'salva' pelo meu cão quando quase desmaiei na cozinha, que não descansou enquanto não conseguiu acordar o meu pai e fazê-lo ir até lá ver o que se passava. Agora digam-me, como é que me imagino sem ele? Não me consigo por no lugar das pessoas que fazem estas monstruosidades, é que os animais não são giros apenas quando são pequeninos, eles sentem e com isto eu afirmo, quem tem estômago para fazer isto assim, tem para fazer pior, muito pior.
Mas pronto, foi apenas um desabafo.. Fiquei a pensar nisto o dia todo e decidi partilhar. Beijinhos, Jéss